Pergunte ao Astrólogo - Astrologia Horária - Caso Nº 4

...

Publicado originalmente no Jornal Astrológico 4 Estações, edição Nº 9 - Verão 2014

(Jornal Astrológico da Associação Portuguesa de Astrologia - ASPAS)

Editado Setembro 2014

...

Esta rubrica visa responder a questões reais usando técnicas de delineação astrológicas muito específicas, técnicas essas que se encontram num dos ramos da Astrologia - a Astrologia Horária.

De salientar que as informações apresentadas ao longo destes casos têm a autorização prévia dos envolvidos, omitindo-se apenas os nomes reais.

Pergunta colocada por cliente J. sobre a sua filha P.

A minha filha P. vai fazer as pazes com o marido?

Alguma clarificação sobre as circunstâncias que envolvem a pergunta:

A minha filha após diversas discussões com o marido está a pensar em sair de casa e pedir o divórcio, contudo eu creio que ela ainda goste dele, encontrando-se muito confusa com a decisão a tomar acerca do futuro dela.

Figura Horária:

Sistema de Casas: Regiomontanus

Dados:

16 Janeiro 2014 AD GC

4:05:58 PM Amora / Portugal - GMD -01:00:00

9w07 00 / 38n37 00

 

Figura Horária

 

Significador da querente / Mãe: Ascendente e Regente do Ascendente; Mercúrio

Significador da filha: A Quinta Casa e o Regente da Quinta Casa; Vénus

Significador do marido da filha: A Sétima Casa a partir da Quinta Casa e o Regente da Sétima Casa a partir da Quinta Casa; Marte

...

 

"O querente é aquele ou aquela que faz a pergunta e deseja uma resolução ...

O significador é não mais do que aquele planeta que rege a casa que significa a coisa perguntada ...

De forma que, em primeiro lugar, quando qualquer pergunta é apresentada, o signo ascendente e o seu regente são sempre dados àquele ou àquela que faz a pergunta.

Em segundo lugar, deve-se considerar o assunto apresentado e ver qual das doze casas ele pertence devidamente; quando se tiver encontrado a casa, considerar o signo e o regente desse signo ..."[1]

Quanto à radicalidade da figura horária - conjunto de regras que nos diz se a figura pode ou não ser julgada:

- A Lua não se encontra Vazia de Curso

- Marte, regente da hora, encontra-se na mesma Triplicidade que Mercúrio, regente do Ascendente - ambos encontram-se num Signo de Ar; Balança/Libra e Aquário, respectivamente.

- Não ascendem nem os primeiros nem os últimos graus do Signo.

Pode-se então dar início à delineação:

Segundo o mestre astrólogo inglês do Século XVII, William Lilly, deve-se em questões horárias considerar o estado da Lua em geral, neste caso em concreto a Lua separa-se do Sol, significador natural dos homens, por uma oposição e aplica-se a Mercúrio também por uma oposição; esta configuração denuncia as discussões já relatadas pela mãe.

Pode-se verificar que Vénus - o significador da filha - é recebido por Marte - o significador do marido da filha - por Exaltação, e que este mesmo Marte é recebido por Vénus, por Regência, havendo um aspecto de quadratura aplicativo entre ambos os significadores. A esta configuração dá-se o nome de Recepção Mista.

"Recepção - É quando dois planetas que são significadores em qualquer pergunta ou assunto, estão nas dignidades um do outro, como o Sol em Carneiro e Marte em Leão; aqui há recepção destes dois planetas por domicílio, e esta é certamente a mais forte e a melhor de todas as recepções ...

A utilidade disto [da Recepção][2] é grande, pois muitas vezes, quando a efectivação de um assunto é negada pelos aspectos, ou quando os significadores não fazem aspecto um ao outro, ou quando parece muito duvidoso o que é prometido por uma quadratura ou oposição dos significadores, se houver contudo uma recepção mútua entre os principais significadores, a coisa acontece, sem grande problema, e subitamente, a contento de ambas as partes."[3]

William Lilly no parágrafo acima está a falar de recepção mútua, contudo, em várias passagens na sua obra "Astrologia Cristã" depreende-se o uso de recepções mistas.

De notar que Vénus, o significador da filha, encontra-se Combusto, pode-se então deduzir o estado debilitado, nervoso e inquieto em que se encontra a filha da cliente. Uma outra conclusão a tirar desta configuração é que a filha não vê, dada a combustão, o quanto o marido gosta dela, note-se que o significador do marido encontra-se na casa V, dispositado/regido por Vénus, a casa e o significador da mulher, respectivamente. Toda esta configuração é um indicador astrológico do amor do marido pela mulher.

"Combustão: Diz-se que um planeta está combusto do Sol quando, no mesmo signo em que se encontra o Sol, não dista dele antes ou depois, mais do que 8° 30'; assim, se Júpiter estiver no décimo grau de Carneiro e o Sol estiver a dezoito de Carneiro, Júpiter está combusto ... e deve-se observar que um planeta está mais aflito quando o Sol se aproxima da sua conjunção do que quando o Sol se afasta dele, visto ser o corpo do Sol que aflige ..."[4]

"A Sexta Consideração é verificar outro modo pelo qual os planetas estão debilitados ou enfraquecidos e afligidos ... a 3ª quando está combusto ..."[5]

Posso então, dados os testemunhos acima, concluir que a resposta mais correcta e apropriada seria de que com algum custo e demora a filha da cliente iria fazer as pazes com o marido, e tal veio a verificar-se.

...

Paulo Alexandre Silva, DMA

Membro efectivo Nº 57

www.astrologiamedieval.com

...

 

[1] Astrologia Cristã, William Lilly, pág. 123. Tradução CMM, QHP - Edição Biblioteca Sadalsuud

[2] Texto em parênteses rectos adicionado por mim.

[3] Astrologia Cristã, William Lilly, pág. 112. Tradução CMM, QHP - Edição Biblioteca Sadalsuud

[4] Astrologia Cristã, William Lilly, págs. 113. Tradução CMM, QHP - Edição Biblioteca Sadalsuud

[5] Anima Astrologiae, Guido Bonatus, pág. 4. Tradução CMM, QHP - Edição Biblioteca Sadalsuud

 

Copyright © Paulo Alexandre Silva. Todos os direitos reservados.